ESTE CONSELHO É BOM E NÃO ESTOU VENDENDO.



Nem tabuleiro de xadrez,nem de damas,afinal quanto mais pensado, quanto mais estratégias,e acima de tudo quando existe um jogo e não uma emoção contundente fluindo,creia vai tudo pro brejo!
Amar é você fazer de uma cachoeira um delicioso tobogã,livre e extenso momento de liberdade e lançar-se sem medo nem pudor,como se aquela fosse a sua última e grande chance de acabar com os grilhões do dia-a -dia massacrante,insosso,sempre tão cheio de compromissos e deveres.
Poxa, tantos compromissos e deveres, que saco!
No amor não cabem os tais planejamentos estratégicos de cenários futuros, conduta e linguajar tipico de gestores e empresários que vivem correndo atrás do dinheiro, dinheiro, dinheiro...
O coração sabe e sente o que é amor puro e verdadeiro e o que é ganho de capital.
Sabe que amor o agasalha , o acaricia,o trata com a delicadeza da mansidão dos mares de águas profundas,já a paranoia de querer ter sempre mais e melhores bens materiais,jorra tanta adrenalina dentro dele que vem as arritmias,os cansaços e não raro os ingratos e fatais infartos agudos e fulminantes.
Sabem quais são as duas maiores desgraças que pairam sobre a felicidade humana nos últimos tempos?
São os terrorismos de fundamentalistas de qualquer natureza e um outro tipo de terrorismo que os politicamente corretos deram o nome de :DR -Discutir a relação.
Pai, bondoso Pai não pare de perdoar-lhes , pois continuam a não saberem o que fazem!
São horas insones, dias consecutivos daquela mesma ladainha,semanas e meses jogados fora, numa competição tipo: Eu é que tenho razão!
Quem ama só tem uma razão que é fazer o outro sempre o mais feliz possível do que ele próprio, está sendo.
O verdadeiro sentimento do amor não suporta cartas marcadas e muito menos vitorias sobre o oponente.
Aqui entre nós, oponente é adversário e quem pensa que ama um ser que lhe é adversário, creia que sua higidez psíquica já é uma curva fora do ponto.
Existe tratamento.Procure!
E enquanto isso,solte-se na cachoeira,vai de cabeça,e sempre recordando na trajetória aquela frase muito usada em brincadeiras de criança: Do chão eu não passo.
Então é muito melhor ter um céu abaixo do seus pés do que ficar olhando para as estrelas lá de cima pensando qual será a próxima estratégia que será usada no jogo da competição afetiva.
Quando isto acontece, tenha absoluta certeza de que você está começando a descer do alto devagar e depois de tanto chorar.
Repare que se você está aqui,quer estar ali, isto era chamado antigamente de vagotonia, atualmente: Depressão.
Mas, seja lá o que for, quer um conselho?
Vá procurar um novo amor!

10 comentários:

  1. Amor versus Competição!? Isso é um jogo? Cai fora enquanto é tempo! Cuide de sua autoestima enquanto é tempo para não cair em nenhuma paranoia!
    Parabéns pelo bom conselho... e grátis!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. CÉLIA RANGEL,

    "coisas" desta chamada modernidade!!!

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  3. aulo, amar sempre vale
    a pena.
    Lindo domingo.
    Bjins
    Catiaho Alc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CATIAHO,

      nunca tive dúvida!

      Excelente semana para você também!

      Um abração carioca.

      Excluir
  4. Boa tarde amado!eu te indiquei ao Prêmio Dardos! de uma passadinha no meu blog para ver! ai vai o link, beijinhosssssss
    http://rubiaartes.blogspot.com.br/2016/04/oiiiiiiiiiiii-meus-amores-meus-quinto.html#

    ResponderExcluir
  5. RUBIA KENES,

    muitissimo obrigado e são atitudes desta natureza que me mantêm aqui ,ainda escrevendo.

    Vou lá.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pelo texto!! Precisamos cada vez mais de nos conhecermos, de sabermos lidar com nossas emoções, inquietações. Tenha dias abençoados!!Bjs

    ResponderExcluir
  7. FILHA DO REI,

    dias abençoados para você também e de muita paz !

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  8. Que maravilhoso texto, quando não se está bem, quando não há mais remédio, o correto é terminar e procurar outro amor!
    Jamais devemos ceder, pela insistência do outro!
    A depressão se instala, quando não vemos saída para as inquietações de não estar sendo amada, quando apenas somos usadas e não conseguimos nos libertar dessa prisão!
    Parabéns, gosto demais do seu lado sério!
    Obrigada, abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir
  9. MARIA TERESA VALENTE,

    eu bem que tento ser sério!

    Como você vê às vezes acho que até consigo.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir